Setransp destaca queda de 74% da demanda de passageiros e perda de R$ 11 milhões

Todos os setores vêm lidando com os reflexos econômicos da pandemia inclusive o setor de transporte público coletivo. Segundo o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp), em Aracaju, em 24 dias, desde que se iniciou o período de isolamento social, a queda da demanda de passageiros já chegou a 74,37%.

De 23 de março a 16 de abril o setor perdeu 2,9 milhões de passageiros, comparando com o mesmo período de 2019, isso representa uma perda de receita de mais de R$ 11,9 milhões nestes 24 dias de quarentena. Enquanto, a redução do número de passageiros é grande, a prestação do serviço não foi reduzida na mesma proporção. O transporte coletivo segue operando com 70% da capacidade da sua frota nos dias úteis e com um acréscimo de veículos nos horários de pico.


De acordo com o Setransp, a conta não está fechando, nem mesmo para as despesas principais como pessoal e combustível, que representam em média 68% do custo total do serviço. As empresas de ônibus estão mantendo todos os esforços para continuar prestando o serviço de transporte junto com os trabalhadores rodoviários, que estão na linha de frente com outros profissionais também essenciais para este momento de pandemia.


“Vamos vencer essa luta, mas para isso todos – empresas, gestores públicos e passageiros – precisam colaborar. Nós estamos operando com uma queda de demanda de passageiros pagantes muito grande, enquanto que a prestação do serviço não foi reduzido na mesma proporção da redução de passageiros. A conta não está fechando, nem mesmo as principais despesas estão sendo cobertas, mas como o transporte é um serviço essencial, especialmente neste momento de pandemia, seguimos operando”, comentou o presidente do Setransp, Alberto Almeida.


Decreto

Sobre o Decreto Estadual flexibilizando a abertura de alguns serviço, o sistema integrado de transporte de Aracaju e da região metropolitana está atento às determinações dos Poderes Estadual e Municipal e às variações de demanda de passageiros para melhor prestação do serviço.





Do Setrans

instagram-icone-icon-1.png
Whatsapp-Imagens-Png-zg9Ts7.png
logo-facebook-transparente2.png

A VOZ DOS MUNICÍPIOS