Petrobras assina contrato de arrendamento da Fafen

O processo de licitação para o arrendamento das fábricas de Sergipe e da Bahia foi aberto no mês de abril. O recebimento da proposta aconteceu no último dia 11 de novembro. Segundo o assessor técnico da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia, (Sedetec), Marcelo Menezes, que representou o Governado no evento, é satisfatório voltar para Sergipe com essa boa nova. “Esse arrendamento foi relevante para o estado, visto que neste momento, o governador junto à parte das autoridades que representam Sergipe em Brasília, fizeram muito esforço para que o resultado fosse efetivo”, destacou.

Presentes no evento, os deputados Laércio Oliveira e Zezinho Sobral demonstraram satisfação com a garantia de continuidade nas atividades da Fafen. “A Petrobrás sempre foi muito acessível a isso e é muito gratificante para a gente encerrar o dia com a assinatura desse termo de arrendamento”, disse Laércio. “Um evento auspicioso para Sergipe. Significa a volta da atividade da empresa, novos empregos, reativação de toda parte das misturadoras, das transportadoras de Pedra Branca, da economia de Sergipe”, afirmou Zezinho.

Retrospecto A Petrobras anunciou o fechamento das Fafens em março de 2018 e iniciou o processo de hibernação no último mês de fevereiro. De lá para cá, os Governos de Sergipe e da Bahia realizaram uma série de ações em busca do impedimento do fechamento das Fábricas, participando de uma série de reuniões e debates com representantes do Governo Federal, da estatal e de sindicatos.

O Governador Belivaldo Chagas dialogou ainda com o presidente Jair Bolsonaro e com o vice Hamilton Mourão, apelando, à época, que o Governo Federal auxiliasse a Petrobras a encontrar medidas que evitassem o fechamento definitivo das Fábricas. “Argumentamos em todos esses encontros sobre a importância da uréia produzida em Sergipe para o Brasil, afinal, não poderíamos ficar na dependência internacional dos insumos que eram produzidos pela Fafen”, lembra o Governador.

Belivaldo recorda ainda que lutou para que a Petrobras, o Governo Federal e o Governo do Estado estivessem de mãos dadas em todo o processo de busca de alternativas para viabilidade das Fábricas, frisando, principalmente, o que as Fafens representa para a região e para o país.

mande sua sugestão, foto e vídeo para nosso whatsapp:

79 99979-2283

pesali_foto_2.jpg

William Pesali

Contato: 79 99979-2283

email: avozdosmunicipios@gmail.com

Confira nossas mídias sociais! 

  • Instagram - White Circle
  • White Facebook Icon

© Copyright 2021 -  A Voz dos Municípios