Luciano Hang se pronuncia sobre buscas da PF em sua casa

Após ser alvo de um mandado de busca e apreensão durante operação da Polícia Federal na manhã desta quarta-feira, 27, o empresário Luciano Hang, dono da Havan, se manifestou sobre o assunto.

Em nota à imprensa Hang disse estar de consciência tranquila. “Não tenho nada a esconder”, afirma.


A operação faz parte de uma investigação do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a produção de fake news. Vinte e nove mandados de busca e apreensão foram cumpridos pela PF em todo o país por ordem do ministro Alexandre de Moraes.


Durante transmissão ao vivo nas redes sociais, o empresário relatou que os policiais federais estiveram na casa e no escritório dele e apreenderam o celular e o computador pessoal.


“Jamais atentei ou fiz fake news contra o STF” disse Hang na transmissão. “A verdade vai ser mostrada pelo meu computador, meu telefone”, disse Hang.


Confira a nota na íntegra

“O Supremo Tribunal Federal abriu inquérito para investigar fake news que atinjam a Corte e seus ministros. Estou sendo um dos alvos da operação, porém, de consciência tranquila de que jamais atentei contra eles ou contra a instituição. Nada tenho a esconder, uma vez que tudo o que falo está nas minhas redes sociais e é de conhecimento público. Meu computador pessoal e inclusive meu celular foram disponibilizados para a perícia, o que ficará comprovado no decorrer do inquérito”



Por Omunicipio

instagram-icone-icon-1.png
Whatsapp-Imagens-Png-zg9Ts7.png
logo-facebook-transparente2.png

A VOZ DOS MUNICÍPIOS