Joice vaza novo áudio de Zambelli e pede ao STF prisão da deputada bolsonarista

A parlamentar chamou a ex-amiga de "cachorro de recados" do presidente

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) usou redes sociais nesta segunda-feira (8) para divulgar um áudio em que a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) aparece supostamente chantageando uma assessora de Joice para que ela “mude de lado”. O plano envolveria a liderança do PSL.


“O cachorro de recados de Jair Bolsonaro ofereceu vantagens a uma assessora – INCORRUPTÍVEL – para “mudar de lado”. Coagiu, ameaçou com PF, ofereceu cargos no PSL. Disse que o próximo líder Felipe Francisquini faz parte do esquema criminoso montado para falsamente me incriminar”, tuitou Joice.



No áudio divulgado, Zambelli aparece citando ação da PGR e da Polícia Federal. “Se você se dispor a pedir demissão, a contribuir, fica melhor para você do que, de repente, ser pega em uma operação da Polícia Federal que nem meus amigos foram na semana passada”, diz à assessora de Joice.


A parlamentar ex-bolsonarista disse não acreditar no envolvimento do novo líder do PSL, Felipe Francischini, mas disse que vai levar o caso ao STF. “Não acredito que realmente o futuro líder esteja usando a liderança para ajudar num esquema de corrupção ativa e passiva. Por isso levei o caso ao STF. Também protocolarei pedidos de informações no PSL e representações ao MP, dando a chance de ampla defesa para todos”, afirmou.


“Quanto a criminosa Carla Zambelli, o caso foi encaminhado ao STF. Há uma lista de crimes como corrupção ativa, tráfico de influência, constrangimento ilegal, todos com pena de PRISÃO previstos. Pedi a apreensão do celular da criminosa e na sequência, a prisão”, completou.




Por revistaforum

instagram-icone-icon-1.png
Whatsapp-Imagens-Png-zg9Ts7.png
logo-facebook-transparente2.png

A VOZ DOS MUNICÍPIOS