Governo anuncia reabertura gradual de atividades comerciais em SE

O governador Belivaldo Chagas anunciou nesta segunda-feira, 27, uma nova flexibilização das medidas de enfrentamento ao novo coronavírus e a reabertura gradual das atividades comerciais. O uso de máscaras em locais públicos e espaços de circulação comum, que antes era recomendado, agora se tornou obrigatório em Sergipe.

De acordo com o decreto, a partir desta terça-feira, 28, estão autorizados a funcionar as seguintes atividades: escritórios de advocacia, escritórios de contabilidade, locadoras de veículos e lojas de tecidos e armarinhos.


A partir do dia 2 de maio, será permitido o funcionamento de lojas de cosméticos e perfumaria, lojas de relojoaria e joias e lojas de móveis, colchões e eletrodomésticos.

No dia 4 de maio, consultórios médicos, mediante prévio agendamento com hora marcada, lojas de papelaria e livrarias, lojas de produtos de climatização e serviços especializados de podologia. O uso de máscaras, que antes era recomendado, agora se tornou obrigatório em Sergipe.


De acordo com o decreto, as lojas de cosméticos e perfumaria, não poderão atuar com mostruário aos clientes para prova de produtos (batom, perfumes, bases, pós, sombras, cremes hidratantes, entre outros).  Nestes locais, o número de clientes não pode ultrapassar 30% de sua capacidade. Também fica obrigatório o uso de álcool 70% para higienização das mãos dos empregados antes de manusear qualquer produto.

Já  os consultórios de odontologia, fisioterapia, psicologia e nutrição somente poderão funcionar para a prestação de serviços especializados enquadrados como de urgência e emergência.


O decreto estabelece também que as atividades educacionais em todas as escolas, universidades e faculdades, das redes de ensino pública e privada, permanecerão suspensas até o dia 31 de maio de 2020.


Confira o Decreto Nº 40.588 na íntegra.



Por Verlane Estácio

instagram-icone-icon-1.png
Whatsapp-Imagens-Png-zg9Ts7.png
logo-facebook-transparente2.png

A VOZ DOS MUNICÍPIOS