Sexta, 24 de Setembro de 2021
79 99979-2283
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Deputados questionam emenda que retoma votação da quarentena eleitoral; acompanhe

Deputados da oposição querem adiar a votação, alegando que o relator atrasou a entrega do parecer reformulado

15/09/2021 20h05
Por: a voz dos municípios Fonte: Agência Câmara de Notícias

 

Parlamentares do Novo e do PSL questionaram a apresentação de emendas ao novo Código Eleitoral com o objetivo de aprovar o afastamento obrigatório de cinco anos do cargo como requisito para a candidatura de magistrados, membros do Ministério Público e outras categorias. A quarentena foi objeto de múltiplas votações na semana passada e acabou sendo rejeitada na fase de destaques.

A deputada Adriana Ventura (Novo-SP) e o líder do PSL, deputado Vitor Hugo (PSL-GO), apresentaram questões de ordem questionando a legalidade das emendas.

Já o deputado Coronel Tadeu (PSL-SP) pediu que a proposta seja retirada de pauta. “Esse debate não está amadurecido, vamos retirar de pauta para chegar a um denominador comum. Esses fatos novos geram muita preocupação”, disse. Ele destacou que a emenda retoma assunto já superado na semana passada.

Vice-presidente da Câmara, o deputado Marcelo Ramos (PL-AM) afirmou que a intenção da quarentena eleitoral é evitar o uso político de carreiras típicas de Estado. “Trata-se de mecanismo de proteção em relação à utilização dessas carreiras a serviço de um projeto político-eleitoral, ou seja, apenas corrigir essa distorção é o que a emenda aglutinativa tenta resolver”, explicou.

Mais informações em instantes

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.