AUXÍLIO EMERGENCIAL

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni (DEM), disse que foram devolvidos R$ 72 milhões, por mais de 79 mil pessoas que estavam fora dos critérios socioeconômicos estabelecidos pelo governo federal para recebimento do auxílio emergencial. A devolução dos valores é feita por meio do portal do Ministério da Cidadania. “Devolveram o auxílio emergencial, porque receberam das mais variadas formas indevidamente, 79.067 pessoas que usaram esse aplicativo do site da transparência. E em dinheiro, foram devolvidos 72 milhões, que já voltaram para os cofres públicos, para quem de fato precisa”, disse Onyx.

AUXÍLIO EMERGENCIAL II
Essa mania do brasileiro de querer levar vantagem em tudo não será muito bom para quem pegou o auxilio emergencial sem ser pobre de baixa renda. Milhões desses sabidinhos irão depor na Policia Federal e a Receita Federal vai querer saber mais sobre sua vida financeira. Os que já devolveram já estão livres. Essa grana, o governo não vai perder.

CORRUPÇÃO NA COVID

As denúncias de corrupção e mau uso do dinheiro público durante o estado de calamidade por conta da pandemia de coronavírus está provocando a reação da Policia Federal. Várias diligências estão a caminho e prefeitos malandros vão pagar caro.

CORRUPÇÃO NA COVID II
Quando presenciamos um FDP de um político querer tirar proveito dessa pandemia perigosa e letal, dar nojo.  Esquecem que todos são vulneráveis. Nunca se deve abusar dessas coisas que só Deus sabe a resposta.  Onde isso acontece? Na Barra,  em  Riachuelo, Maruim e por ai vai. Em milhares de cidades outros políticos mais FDP ainda, roubam o dinheiro que é destinado a prevenção. Por aqui, cidades que todo Sergipe sabe aonde é, estão abusando e diligencias estão a caminho. Da polícia eles não vão escapar.

 

PESQUISA / BARRA

Parte da oposição raivosa, cheia de ódio onde entrou com processo para cassar a publicação de uma pesquisa que apontava Alberto Macedo como o favorito dos pesquisados, batendo em todos os outros juntos. Quebrou a cara.  Eis comentário da decisão judicial:
“Em sua defesa o representado trouxe aos autos documentos que comprovam o registro da pesquisa e atendimento aos requisitos legais conforme preceitua o artigo 2° e seguintes da Resolução 23.600/2019 e artigo 33 e seguintes da lei 9.504/1997, uma vez que inexiste empecilho legal para que um instituto de pesquisa realize, por conta própria, uma pesquisa eleitoral, com recursos próprios.

PESQUISA II / BARRA
Assim, o representado demonstrou, que a pesquisa eleitoral guerreada foi regularmente realizada e divulgada pelo Instituto Dataplan de modo independente, com fins de divulgação do seu serviço e sua reinserção no mercado, motivo pelo qual não fora emitida nota fiscal, não vislumbrando dessa forma nenhuma irregularidade que autorize a manutenção da medida liminar outrora deferida.
Desta feita, INDEFIRO a representação proposta, julgando improcedente os pedidos da inicial, cassando a medida liminar deferida. 

PESQUISA III / BARRA

Quem não está bem com o povo não tem boa posição nas pesquisas de opinião pública. Sempre irão inventar alguma coisa para desacreditar os institutos.  Na Barra se você andar pelas ruas, bairros e povoados irão sentir a força de todos candidatos. Quanto mais loroteiro, menos voto tem. São pré-candidatos Vevé, Caducha,  Salete,  Alysson,  Gilson,  Alberto e Hebert. Mas candidatos de verdade só depois das convenções. Se as eleições fossem hoje, candidaturas garantidas seriam as de Hebert, Alberto e Gilson. 

PESQUISA IV / BARRA 
Hebert porque é uma decisão do partido ter candidatura própria. Alberto porque tem apoio popular e respaldo político, Gilson pelo mesmo motivo.  Talvez Vevé queira pagar pra ver. Mas no seu íntimo sabe que não tem densidade eleitoral para majoritário. Quando vem na cidade tem seu público que aparece na sua base no Olimar e pronto. Os outros são coadjuvantes. Não têm coragem para viabilizar uma candidatura própria. Vão de vice ou candidatos a vereador mesmo. 

PESQUISA V / BARRA
A queda constante de um pré-candidato se deve a sua prepotência, sua arrogância a sua falta de humildade. Um coronelzinho fora da validade, cheio de ódio. A turma recrutada por ele é antipática e assume rápido a personalidade do chefinho. Anotem aí. Ele vai trair os candidatos a vereador do seu partido. 

FK /BARRA

Pelo menos na Barra teremos uma média de 120 candidatos a vereador.  Tem candidatos para todos os gostos. Tem líderes comunitários, profissionais liberais, os bem intencionados e os maus intencionados, os preparados e também os não preparados. Uns 20 terão menos de 10 votos, uns tantos mais de 100, nem tantos, acima de duzentos e uns poucos acima de 500 votos.
A futura câmara terá mais da metade de pares reeleitos e poucas unidades de novos. Dentre os bons nomes dos novos, se destaca muito bem o de Frankeline, a FK - por ter um trabalho sólido e constante. Disputa bem uma das vagas. Na eleição passada teve votação excepcional. 

ELE FAZ /BARRA

Não tem uma só localidade da Barra dos Coqueiros que não tenha uma obra em execução. O prefeito Airton Martins mantém o mesmo ritmo de trabalho desde o primeiro ano de sua administração. Isso incomoda a quem fez pouco pela Barra. Reclamam que tem obra demais que o povo não precisa de praças, de ruas asfaltada, de nova iluminação. Entender quem não faz porra nenhuma é complicado. Deixa o homem trabalhar.  Faltam 5 meses para conclusão do mandato e ele deixará a prefeitura aclamado pelo povo.

 

SUCESSÃO/LARANJEIRAS
Com a proximidade da campanha eleitoral que se iniciará pós convenções no próximo mês de agosto, o quadro político começa a se definir.  Paulão está fora completamente da competição, eliminado por antecipação, não é ameaça eleitoral nem para o meu amigo Toucinho.  Boa Sorte também não. A tropa de choque de Juca tem que se conscientizar que o adversário dele é Zé Bodega. Como sempre estiveram juntos ficam com medo. Guerra é guerra.  Entre Bodega e Juca, a grana de Paulão vai para Bodega onde existe a gratidão pelo o apoio de Adelmo, seu irmão, pertencente a sua base na Câmara. Paulão apoiaria até Mané de Sebastiana para prefeito, menos Juca. Existe uma rivalidade criada na eleição de Marta onde Juca venceu folgadamente. Depois vem Paulão vence por 59 votos cantados até hoje. Vocês acham que Paulão disputaria para aguentar 4 anos a cidade cantando uma diferença de 5 mil votos a favor de Juca? Jamais. 

BRASILINA/LARANJEIRAS

Como já tínhamos noticiado nesta coluna no início do mês, Brasilina está com Juca, coordena a campanha. Essa mulher quando coloca um boné na cabeça, sai de baixo. Ela entende da política local, sabe onde mora as pessoas e já faz a diferença e os resultados começam a ficar generosos para o pré-candidato.  Já a nota de repudio porque noticiamos a verdade foi uma merda. Porra, eu tinha razão! 38 anos de jornalismo, somente neste jornal, conta.

CALOTE/LARANJEIRAS

Quanta frustação...Muitos foram enganados. Outros duvidaram. Tantos já sabiam.  A prefeitura ainda não pagou os cachês dos grupos folclóricos da cidade que se apresentaram no último Encontro Cultural. Isso é que é gostar de cultura. Isso é que é ter apoio da tropa de professores intelectuais que enganaram a muitos. Todos caladinhos... Sacanagem não pagar a quem precisa e cobra tão pouco. Os grupos e bandas da cidade tem que botar o pé na frente e dizer que só se apresentam com o dinheiro pago adiantado, ao subir no palco. Seja lá quem porra for o prefeito. Eles sempre vão sacanear. A sociedade vai entender e apoiá-los. Sem dinheiro no palco, manda eles fazerem o show. Assim dizem todas bandas caras, de fora. As famosas, eles pagam adiantado, ficam com 50 por cento do cachê e tá tudo certo. Cachê de 500 contos eles nem se interessam em pagar.

NOVOS/LARANJEIRAS
Todos os partidos em condição de disputar as próximas eleições de 15 novembro, tem seus planejamentos e suas continhas avaliando as chances de eleger novos vereadores. Todos dizem que tem chances, é normal. Ciamos aqui os sem mandatos.
No grupo de Bodega, brigam por vaga Wagner Amarelo, Pingo, Sena, Keko e Ruston.  O grupo da Boa Sorte se destacam: Celígena, Mauro e Laércio. No grupo de Juca: Rogério, Deivinho, André Cabeção e Canhão. Jadson do Cedro, Damião da Mussuca e Ninho de Noelza.  Desses, somente quatro disputam com chances reais. Quem são? Aí é com vocês leitores. Façam suas anotações para dia 15 de novembro ver as margens de acerto. Dois atuais, quatro perdem. 

COVID-19/RIACHUELO

A Prefeitura de Riachuelo segue todas as recomendações da Organização Mundial de Saúde. Dessa maneira, não fará a distribuição de medicamentos sem qualquer comprovação científica para a prevenção da COVID-19. Portanto, todos os pacientes que apresentarem sintomas da doença devem procurar uma das unidades básicas de saúde para uma consulta médica.
Não adianta setores da oposição querer tirar proveito de uma pandemia que coloca todas as pessoas em condição de igualdade. Todos são vulneráveis. 

COVID-19/RIACHUELO II
Não existe tratamento para o novo coronavírus, porém alguns pacientes estão sendo recomendados, APÓS AVALIAÇÃO MÉDICA a fazer uso de algumas medicações que estão disponíveis de forma gratuita na Farmácia Básica do Município. Esse procedimento acontece em todo Brasil. A gestão municipal recomenda que sigam orientação das autoridades médicas.

REDE/ARACAJU

A Rede Sustentabilidade deve apresentar os seus pré-candidatos a vereador em Aracaju no início de agosto. A informação é do pré-candidato a prefeito, Henri Clay Andrade, que realizou o anúncio na na quinta-feira (23/07), durante entrevista ao radialista André Barros, na Nova Brasil FM (93,5). Também a partir do próximo mês o partido pretende começar a discutir alianças para as eleições municipais deste ano.
 

REDE II/ARACAJU
“De abril até agora estamos organizando os diretórios. Em julho organizamos a chapa, que vai contar com 36 pré-candidatos e a partir de agosto vamos discutir coligação com os partidos que temos afinidade ideológica, buscando a viabilidade política de uma candidatura a prefeito, que deve ser homologada até o dia 16 de setembro, que é o prazo final para as convenções. Uma futura candidatura majoritária em Aracaju é prioridade nacional do partido”, destacou Henri Clay

 

CINEMA/ITABAIANA

Os amantes de cinema estão convidados a pegar a pipoca e ir ao sofá para assistir um festival de cinema on-line atraente e divertido. O Festival Internacional de Cinema de Itabaiana – Online acontecerá de 26 de Julho a 01 de Agosto e contará  com 42 curtas-metragens.
Os filmes serão exibidos no canal de youtube, todos os dias às 14h e às 20h. No último dia, reexibirá mais uma vez online, todos os filmes que foram premiados na nossa 1º edição em 2019; então caso não consiga assistir na semana, se programe para assistir no último dia.
O Festival, que por vocação promove o debate sobre as questões sociais e do nosso tempo, tematizadas pelo cinema brasileiro e internacional de curta-metragem, decidiu ampliar esse debate através de uma programação de 1 semana.


UBS/JAPOATÃ

A Prefeitura de Japoatã, através da Secretaria de Saúde, inaugurou a Unidade Básica de Saúde do Povoado Tatu. 
O prédio que já funcionou como escola municipal do povoado e pertencia à Secretaria de Educação, foi cedido para ser reformado, através de recursos próprios e federais. Hoje, a Unidade de Saúde da Família Tatu conta com modernas instalações, que possibilitam que diversos serviços de saúde sejam oferecidos à população, como odontologia, vacinação, consultas médicas e de enfermagem, sala de procedimentos, curativos, entre outros.
“O Povoado Tatu é um dos maiores do município e nunca teve uma unidade de saúde fixa. Antes os prédios eram alugados e, em muitas gestões, não tínhamos nem condições de trabalho. Por isso, hoje, eu só tenho que parabenizar a gestão e a minha comunidade por essa conquista”, destacou o agente de saúde do povoado, Horácio dos Santos.

instagram-icone-icon-1.png
Whatsapp-Imagens-Png-zg9Ts7.png
logo-facebook-transparente2.png

A VOZ DOS MUNICÍPIOS